quarta-feira, agosto 23, 2017


O divórcio não isenta das responsabilidades paternas...

Pode até parecer um ursinho, mas é um bebezinho de verdade, que precisa de cuidados, atenção, amor, carinho, e também de recursos financeiros para crescer dignamente.

Quando o casamento acaba, é primordial que os lados tenham discernimento e responsabilidade suficiente, para entender que os filhos não tem culpa e muito menos, podem ser penalizados pelas ações dos pais.

Infelizmente, nem todos pensam assim... e com atitudes irresponsáveis, fica muito mais fácil negar o filho, do que assumir a responsabilidade e dar um futuro digno ao mesmo.

Sim, eu me refiro a pensão alimentícia, bem necessário e indispensável para os filhos. 

Há quem prefira se esconder covardemente do oficial de justiça, há quem prefira se fazer de vítima, e há os pais de verdade!

O divórcio não isenta das responsabilidades paternas...

Eu não consigo entender, sinceramente, aqueles que rejeitam o seu próprio sangue, e usam a ganância e a retaliação, para prejudicar os seus. Prefiro pensar que ainda há pessoas boas no mundo, e tenho certeza absoluta que o meu coração é cheio de bondade, amor, compaixão, e acima de tudo, respeito pelos meus filhos.

Sim, eu os sustento sozinha, eu os alimento, eu crio três crianças, meu sangue, meus filhos, para que cresçam da melhor forma possível! Para que tenha direito à educação, para que tenham comida na mesa, para que tenham remédios, vitaminas, pomada de assadura, para que tenham acesso ao indispensável para viver!

Eu me viro, eu me desdobro, eu vendo o que puder, não sou materialista e nem nunca serei.

Quantas vezes abri mão de itens básicos para mim, para que não faltasse nada para eles!

Hoje, passei por mais um constrangimento na minha vida, uma audiência de despejo, pois como disse, tudo centralizou em mim, e não será por irresponsabilidade alheia, que deixarei de cumprir com o meu papel de MÃE!

Eu sou mãe e o que mais precisar para os meus filhos! Ouvinte, amiga, educadora, confidente, sou o braço direito, o braço esquerdo, sou e serei tudo que eles precisarem nesta vida!

Mesmo sozinha, não desisto de lutar, de correr atrás do melhor para eles, e tenho certeza de que venceremos! Porque quando você se dedica e se entrega verdadeiramente por amor, será com amor que sua vida se transformará! 💙

#pensaoalimenticia #abandonomaterial #maternidade #leimariadapenha #divorcio #separacao #mariadapenha #mamaesvaidosas #edimariano #filhos #despejo #maedetres #mamaesolo #maesolo #curitiba #cwb #pr #parana

sábado, agosto 19, 2017


Umiditá Libbs

As transformações hormonais são radicais na gravidez. E associadas à estas, o ganho de peso, pode desencadear o surgimento de estrias e também a flacidez cutânea. Sem falar que a cada mês, a sensação de peso nas pernas e pés, pode gerar ainda mais desconforto e incômodo para a gestante.

Umiditá Libbs

Pensando nisto, a Libbs, desenvolveu uma linha específica e de fato eficaz, para prevenção de estrias e flacidez, e também para o conforto e alívio de pernas e pés. Trata-se de Umiditá Gestante, uma linha realmente potente e funcional, que além de prevenir as estrias e flacidez, promove também a hidratação corporal, justamente por contar com ativos poderosos que retêm a umidade natural da pele. Já para os membros inferiores, ativos que refrescam e estimulam a circulação sanguínea. E passado tal período, já no pós-parto, mais um produto eficaz na recuperação da elasticidade e firmeza da pele.

Os produtos:

Umiditá Libbs

Umiditá Gestante Corpo é uma loção hidratante desenvolvida para o uso durante a gestação, período em que a pele sofre rápido estiramento e pode apresentar estrias. Sua fórmula contém componente lipídicos semelhantes aos da pele, que atuam preservando a umidade e restaurando a barreira cutânea na medida em que a pele se modifica durante a gravidez, além da Vitamina E com ação antioxidante e Alantoína que confere renovação celular.

Preço Sugerido R$ 83,00.


Umiditá Gestante Pés e Pernas é um creme gel hidratante indicado para pernas e pés durante a gravidez, que restaura a barreira cutânea e sua capacidade natural de reter água, além de refrescar e reduzir a sensação de pernas cansadas durante a gestação. Umiditá Gestante Pernas e Pés contém ação sinérgica dos seus ativos Centella Asiática, Legactif, Manteiga de Karité, Frescolat X-cool, possuindo ação descongestionante e agradável alívio contra os desconfortos nas pernas e pés. Hipoalergênico, dermatologicamente testado.

Preço Sugerido R$ 44,00

Umiditá Libbs

Umiditá Mamãe Pós-Parto é um hidratante funcional desenvolvido especialmente para uso pós-parto. Umiditá Mamãe foi testado e aprovado com o objetivo de restaurar a pele que sofreu estiramento durante a gestação. A formulação de Umiditá Mamãe contém componentes da pele, que atuam preservando a umidade, restaurando a barreira cutânea. Sua formulação proporciona uma aplicação rápida, formando um filme uniforme sobre a pele, proporcionando hidratação prolongada. Contém ainda em sua formulação a vitamina E, que atua como antioxidante, e a alantoína, que atua na renovação celular.

Preço Sugerido R$ 83,00.


Sendo uma marca 100% nacional, a Libbs desenvolveu a linha especificamente para as necessidades das nossas gravidinhas, se comprometendo com o bem estar das mesmas, e garantindo a formulação segura dos seus produtos, neste período tão lindo e especial na vida de uma mulher.

Por isso, hoje deixo a indicação de Umiditá, bem como a minha aprovação para vocês!

Beijos


#libbs #umidita #gravidez #gestacao #gestante #maternidade #pele #skin #mamaesvaidosas #edimariano #mulher #cwb #curitiba #pr #parana #estrias #parto #posparto @LibbsFarmacêutica​

quinta-feira, agosto 17, 2017


Violência Doméstica

A partir de hoje, começarei a relatar tudo o que vivi, principalmente depois da turbulência que passei, e que me fez ainda mais forte e confiante. 

Vocês acompanharam a situação trágica que vivi, que começou com a separação ainda grávida de 05 semanas do Éric, o posterior sumiço dos meus filhos, e a consequente dor de ter que enfrentar dias e mais dias sem notícias das crianças. Fui exposta a uma luta diária, na qual precisava manter a calma, para não perder o bebê que carregava no ventre, ao mesmo tempo em que a vontade era de sair à procura dos meus dois filhos, meus tesouros, duas partes de mim que foram arrancadas com crueldade e rancor. 

Foram dias e mais dias de tortura, de sofrimento, de angústia, de insegurança e de muito medo. A separação em si já foi traumática, justamente por ter sofrido violência doméstica, e depois disso, ainda ter que conviver com a ausência do Dudu e da Emmie, para mim, representava o maior sofrimento que uma mãe poderia passar na vida.

Sem dúvidas, os sete anos que permaneci casada, me serviram de lição. Neste tempo, convivi com as mais variadas formas de opressão, de chantagens, de tortura verbal, a qual me colocava numa situação inferior, que me fazia sentir-se reclusa, e que por noites e noites, me colocavam a pensar, após longas crises de choro e de dor. 

Não há nada pior do que viver sendo controlada, não ter opinião própria, não poder expor aquilo que realmente está sentindo e ficar isolada do resto do mundo.

Até então, na minha concepção, a união entre duas pessoas, representava um voto de confiança, de credibilidade, de afeto, amor e segurança. Mas para mim não foi.

Sempre me vi violentada, oprimida, e mesmo assim, tinha esperanças de que todo aquele pesadelo acabasse, e que o "conto de fadas" começasse. 

Casei de forma repentina, sem pensar, sem ter espaço para analisar se de fato, aquela seria a melhor situação para mim. Logo após, engravidei do Eduardo, e para mim, aquela benção seria um sinal de recomeço, de novas chances, de uma nova visão, não somente para mim, mas para aquele que estava ao meu lado.

As coisas não aconteceram bem assim, e se antes era obrigada a fazer coisas que não gostava, para agradar e manter a paz, depois do nascimento do meu primogênito, também tive que enfrentar opiniões, críticas e pressões da família oposta. Passei por situações críticas e humilhantes, principalmente por morar com a família dele. Isso porque quando casei, fiquei morando ali, não por minha vontade, mas porque não tive escolha. Não me refiro ao lado financeiro, mas ao querer da outra pessoa, e o que era viável e confortável para ela, e nunca para mim. A sensação sempre foi a de não viver a minha vida, mas viver me moldando em função de terceiros, e de teimarem em querer transformar a minha vida, de forma que ficasse adequada para eles. Eu não tinha voz própria, eu não podia expor sentimentos, não tinha a chance de mostrar que um relacionamento assim machuca, magoa e desgasta. 

Por tantas e tantas vezes, implorei para sair daquela casa, daquela vida, e recomeçar de forma mais humilde, porém honesta e com respeito. 

Abri mão da minha carreira, das minhas opiniões formadas, abri mão de mim.

Se antes, sempre tive uma vida independente e fui sempre muito dona de mim, naquele instante, não era ninguém. Comecei a trabalhar muito jovem, ainda com 14 anos. Aos 18 já morava sozinha, estava conquistando o meu espaço, desbravando a minha capacidade profissional, intelectual, e era tudo que desejava ainda tão jovem mas muito responsável. Aos poucos fui conquistando o meu espaço, trabalhava muito, não tinha hora pra chegar em casa, mas levava uma vida digna e feliz. E quando constatei que havia perdido tudo que tanto lutei para conquistar, me senti impotente, me senti como fosse ninguém. 

Fiz o que pude e o que não pude para não passar isso para o meu bebê, um anjo que Deus colocou na minha vida, para me ensinar o que é receber amor verdadeiro e para mostrar o que é ter o coração batendo fora do peito, de forma nunca vivida antes da maternidade. 

Como não estava trabalhando e havia sido proibida, comecei a procurar formas alternativas de conseguir meu sustento próprio, e assim comecei a vender produtos no Mercado Livre, me virando como podia, dentro de casa e durante a madrugada, sendo este, o único horário no qual, conseguia respirar e colocar a cabeça para funcionar sem pressão e opressão. 

Determinada, usei aquela situação para me desligar do sofrimento, mesmo que de forma momentânea, e consegui seguir em frente com as vendas. Passado um tempo, sentia a necessidade e a falta de ter com quem conversar, alguém "fora da bolha", que me entendesse, que me incentivasse, e antes de mais nada, que não me criticasse. E assim nasceu o Mamães Vaidosas. Foram nas postagens e interação com as pessoas que se aproximavam de mim de forma virtual, que me senti "acolhida", e decidi que aquele pequeno e iniciante blog, serviria como um ombro amigo, onde conheci milhares de mães e mulheres, que me deram total credibilidade e muito orgulho em prosseguir escrevendo, interagindo e "existindo" para elas. 

Desde o início blog, eu interagia de forma ponderada e sempre pisando em ovos, sem relatar absolutamente nada do que realmente acontecia na minha vida. Isso porque era refém de um relacionamento controlador e doentio, muitas vezes passando a imagem de que a minha vida parecia perfeita, quando na realidade, eu estava sofrendo e me sentindo afogada em meio às próprias lágrimas.

E assim prossegui, permanecendo calada até alguns dias após sumiço dos meus filhos, porque além de sempre ser reservada e discreta, jamais aceitariam que eu expusesse a verdade, sem sofrer com as consequências.

Pensando pelo lado correto e pela ordem natural da vida, o relacionamento do casal, deve ser tratado e resolvido de forma intima e preservada. Mas a partir do momento, que você não tem para onde correr, e vê-se acuada sem saber para quem pedir socorro, sendo bombardeada diariamente com palavras e atitudes agressivas, não apenas do seu parceiro, mas de entes da família deste, a figura começa a mudar, principalmente quando as ameaças colocam a sua vida em risco, e o desespero toma conta do seu eu.

E mesmo diante do medo, das dificuldades e da dor, eu fiz absolutamente tudo que pude, para tentar mudar a situação, e ficava sempre pensando, se no momento em que saíssemos daquela casa, aquele que me escolhera como sua esposa, mudaria a sua postura e atitude, e começaria a me enxergar como sua amiga, esposa e confidente, e não como um objeto pessoal e um alvo fácil para ataques.

A luta continuava, e durante este caminho, acabei engravidando da Emmie. Neste momento, não cabe contar em detalhes, mas imaginem que diariamente eu vivia todos os tipos de violência possíveis. 

Na segunda gestação, mais uma vez, me vi com uma luz no fim do túnel, com mais uma chance de recomeço e de sair daquele inferno e ser feliz. E mesmo sofrendo horrores dentro daquela casa, continuei confiando que tudo mudaria, e que a vida tão merecida para a minha família, em breve chegaria. Mas não aconteceu! Continuamos a morar ali, e eu e Dudu continuamos a ser manipulados e sofrer com as consequências. 

Agora imaginem uma mãe, que no intuito de proteger o seu primogênito e o bebê que carregava no ventre, continuava se anulando, e aceitando as ofensas e agressões, achando que aquela seria a única saída, a fim de proteger os seus e permanecer viva. Só que as coisas nem sempre acontecem como queremos, e com 32 semanas de gestação, mais uma vez fui alvo de ataque e de fúria, até o ponto da bolsa estourar, e minha filha pagar pelos atos descontrolados daquela família. E o pior não foi isso, o pior foi ter que ouvir que estava fingindo, que estava fazendo xixi nas calças, e que não aguentava pressão. 

Naquele momento, a dor da violência se fundia com a dor do trabalho de parto antes do tempo. Fui para o hospital, e não pensem que a situação foi controlada ali. A falta de noção e de respeito, continuou falando mais alto, e mesmo sem sequer saber se Emmie estaria viva ou não, continuei a ser insultada, em pleno hospital. A espera foi longa, até ter a notícia de que a minha filha teria que ser arrancada do meu ventre antes do tempo, e que para tal, eu precisaria ser preparada e receber medicações, para acelerar o processo de amadurecimento do seu pulmão, na incerteza de que como ela reagiria e viria ao mundo.

Foram três longos dias de espera, de dor e de sofrimento. Se por um lado fui afastada bruscamente do meu primogênito, sem antes prepara-lo para o que estava acontecendo, no leito do hospital a tormenta só aumentava. E chegou o dia do "nascimento" da minha filha, da minha guerreira que estava sofrendo desnecessariamente, as consequências da falta de limite do ser humano, do descontrole, da raiva, da loucura.

Emmie nasceu com 33 semanas, abaixo dos dois quilos, e encaminhada diretamente para a UTI. Agora fico me perguntando, com tudo que ocorreu do início do relacionamento até essa situação desesperadora e pecaminosa, como eu não consegui me libertar da tortura e daquele relacionamento doentio? A sensação era de ter perdido a força, de ter se entregado completamente ao medo, e ter "perdido a visão". Naquele momento, eu vi que não existia mais, eu apenas sobrevivia, dias após dia.

Minha pequena foi muito guerreira, não se entregou, e muitos dias após, voltamos para aquela casa, para aquele mesmo lugar.... E foi ali que decidi dar um basta naquele "casamento comunitário". Propus que ele abrisse um negócio próprio, e que locássemos um imóvel, para que antes de mais nada, Emmie pudesse ser preservada naquele momento de recuperação e fortalecimento, indispensável para sua sobrevivência. E da mesma forma que pensava na minha princesa, desejava muito que Dudu tivesse uma vida tranquila, longe daquele ambiente pesado e sombrio. Naquele instante Deus me ouviu, e as coisas começaram a caminhar. Conseguimos mudar, e por um período, confesso ter acreditado que as coisas mudariam, e que enfim, eu voltaria a viver. Mero engano, pois com o passar dos dias, da abertura do restaurante e dos conflitos familiares entre eles, justamente por não aceitarem que saíssemos da zona de controle daquela casa, tudo voltou ao que era antes. 

Eu voltei a ser uma pessoa sem opinião própria, vivendo em função de terceiros e tentando manter as aparências no restaurante. A violência voltou, e com ele, o sofrimento, a dor, a ameaça, assim me colocando numa situação nula novamente, com medo do que viria dali pra frente, principalmente pelos meus filhos. E realmente as coisas foram piorando, a situação foi ficando cada vez mais tensa, as agressões ainda mais constantes, até que quando "abri os olhos", ja haviam se passado um ano e alguns meses. 

Tirando forças do imaginável, me controlei de todas as formas possíveis, e só conseguia pensar nos meus dois filhos. Mal sabia eu, que no ventre já carregava o terceiro, e que com ele ali, ainda em formação, passaria pelos piores dias da minha vida. E foi aí que depois daquele episódio traumático, dolorido e inadmissível, coloquei um fim naquela situação, e protegida pela Lei Maria da Penha, me libertei do cárcere privado. Gostaria realmente que tudo tivesse cessado ali, mas como vocês bem sabem, não foi bem assim.

Com a separação veio a retaliação, a mentira, o sequestro dos meus filhos, e tudo mais que passei, até te-los novamente em meus braços.

E se hoje estou livre disso tudo, antes de mais nada, tive que pagar um preço muito alto por algo que já me pertencia -  a minha própria vida!

Por isso, passado mais de um ano da minha "libertação", hoje com muita coragem, deixo este relato, para que sirva de exemplo para quem sofre o mesmo! Mulher, mãe, amiga,  entenda que se no relacionamento, há quaisquer indícios de violência verbal, física, sexual, ou seja qual for, não é saudável, é doentio, e para esta doença, só existe uma saída, a denúncia e a separação!

Não tenha medo da separação, tenha medo de continuar num relacionamento agressivo, e aí sim, arcar com as consequências! Nós mulheres, nos refazemos a partir do momento que dominamos a nossa força interior, e damos um basta naquilo que nos anula. E no caso de um casamento agressivo, não há nem o que se pensar!

Elimine a dor e dê força para o amor, o amor que existe dentro de você, que te faz ser melhor pelos seus, e incansavelmente, a faz lutar por eles! 

Por aqui a luta continua, com muito mais garra e AMOR!

E o que dizer da alegria e orgulho, por ser mãe de três anjos abençoados, que não me deixaram desistir, mas acreditar ainda mais em MIM, e no meu potencial? Benção, absolutamente, benção!

Beijos

#violenciadomestica #violenciafisica #violenciaverbal #violenciasexual #leimariadapenha #mariadapenha #mamaesvaidosas #edimariano #lutepelavida

segunda-feira, agosto 14, 2017


Pregorexia, o distúrbio alimentar durante a gravidez

Ainda pouco estudado e conhecido pela ciência, a PREGOREXIA, é um transtorno alimentar que acomete as mulheres durante a gestação, e que assustadoramente, vem ganhando novas adeptas, estas obcecadas em manter o peso e a boa forma.

Segundo a nutricionista do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Kátia Terumi M. Rodrigues Ushiama, é comum durante a gravidez se preocupar com a alimentação e o ganho de peso, mas o cuidado deve ser redobrado quando esse medo é excessivo.

“A pregorexia geralmente é notada durante o pré-natal, quando o médico costuma acompanhar a evolução do peso da gestante. Normalmente, as pacientes não admitem que estão se alimentando incorretamente ou provocando o vômito”, acrescenta.

A nutricionista salienta que ganhar peso durante a gestação faz parte do processo e deve ocorrer para o desenvolvimento do bebê. Segundo a Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (ABESO), há cálculos para a estimativa do ganho de peso durante a gestação, considerando-se o Índice de Massa Corporal (IMC) da pessoa no período pré-gestacional. Por exemplo, uma mulher com IMC entre 18.5 e 24.9, considerada dentro do peso adequado, pode engordar ente 11 e 16 quilos.

Para um cardápio saudável e equilibrado, a nutricionista recomenda a ingestão de proteínas de origem vegetal e animal, vitaminas, minerais, além de carboidratos e gorduras em volume adequado. “A hidratação também é fundamental para promover o bom funcionamento intestinal, além de colaborar para a eliminação de toxinas urinárias, já que a infecção urinária é muito grave se ocorrer nesse período”.

Doces e alimentos gordurosos são excessivamente calóricos e não trazem nenhum benefício para a gestante, portanto, a especialista não recomenda ingestão deste grupo alimentar.

Quando diagnosticada a pregorexia, Kátia Terumi M. Rodrigues Ushiama recomenda o acompanhamento psicológico atrelado ao nutricional. “Desta forma, os especialistas poderão explicar à gestante que o ganho de peso é esperado durante a gestação, além de auxiliá-la no processo”, complementa a nutricionista.

Além de grave, o transtorno alimentar deve ser acompanhado e tratado, portanto se você está passando por isto, ou conhece alguém nestas condições, converse, oriente e juntas, procure ajuda!

Beijos,

Edi

#pregorexia #gravidez #gestacao #maternidade #curitiba #cwb #parana #mamaesvaidosas #edimariano


quarta-feira, agosto 09, 2017


Effaclar BB Blur Pó Compacto FPS 25 de La Roche-Posay

Tive a oportunidade de testar mais um super lançamento de La Roche-Posay, e como a satisfação e alegria pelo resultado obtido é imensa, hoje deixo a indicação para vocês. Grifo ainda, que o produto é indicado em específico para quem tem a pele oleosa e acneica, tipo vertendo óleo, como a minha!

Trata-se de Effaclar BB Blur Pó Compacto FPS 25, um uniformizador antioleosidade com efeito óptico instantâneo e com eficácia anti-imperfeições. Simplesmente perfeito e poderoso!

Effaclar BB Blur Pó Compacto Uniformizador Antioleosidade com fator de proteção solar 25

Vou contar uma coisa para vocês! Fazia tempo que eu não testava um pó compacto uniformizador, que controlasse tão bem a oleosidade, como este! Sim, porque normalmente depois de algumas horas de aplicação, a nossa pele já começa a apresentar sinais de oleosidade, e o efeito só tende a piorar com o passar do tempo. E para minha surpresa e alegria, Effaclar BB Blur não me deixou na mão, e nem deixou derreter o "reboco"! rs

Effaclar BB Blur Pó Compacto Uniformizador Antioleosidade com fator de proteção solar 25

Segundo a marca:

Effaclar BB Blur Pó Compacto FPS 25 - Promove uniformização da pele, diminui as imperfeições e protege dos raios UV. Possui a tecnologia Airlicium: que são micropartículas matificadas encapsuladas com 99% de ar, oferecendo um controle inteligente do brilho, deixando a pele com efeito matificado.

Ação na qualidade da pele: melhora progressiva do brilho, imperfeições, aparência dos poros e suavidade da pele em 4 semanas de uso.


Effaclar BB Blur Pó Compacto Uniformizador Antioleosidade com fator de proteção solar 25

E põe controle inteligente de brilho aí! Ele não somente controla a oleosidade, como com o passar do tempo, vai reduzindo visivelmente os poros dilatados e a produção de sebo. É tipo produto "milagroso", que você aplica e depois de um tempo já fica esperando a "hora do retoque", só que ele te surpreende e garante a sua dignidade por horas e horas a fio.

Effaclar BB Blur Pó Compacto Uniformizador Antioleosidade com fator de proteção solar 25

Eu recebi a tonalidade clara, a qual ficou perfeita para mim. O produto ainda conta com a tonalidade média, ou seja, dispõe de duas opções de cor.

A formulação contém:

- Dióxido de Titânio: um filtro físico, que forma uma barreira sobre a pele, protegendo contra a incidência dos raios;

- Micropigmentos Purificados: corrigem instantaneamente as imperfeições (tonalidade não uniforme, textura irregular e poros dilatados);

- Vitamina E: atua como antioxidante protegendo e regenerando as camadas da pele. Promove também efeito umectante; 

- Tinosorb® S: filtro orgânico, altamente eficaz na proteção conta os raios UV;

- Sílica: substância que absorve a oleosidade e proporciona toque seco, diminuindo o brilho excessivo da pele.

Lembrando gente, que este produto não é um protetor solar. Ou seja, embora ele possua FPS 25, a finalidade dele não é esta, então faz-se indispensável o uso do filtro solar antes da aplicação da maquiagem, viu? Ele é um pó compacto que ajuda na proteção solar, mas não a garante, justamente por termos que usar filtro solar na pele limpa, antes de qualquer vestígio de maquiagem, reboco ou produção. 

Indicação:

Effaclar BB Blur Pó Compacto FPS 25 é indicado para peles mistas e oleosas. Apresenta textura leve que deixa a pele respirar. Acabamento natural aveludado. Não comedogênico.

Disponível nas tonalidades clara e média, o produto tem o preço sugerido de R$ 159,00.

Com textura fina, mas muito fina mesmo, ele resulta num acabamento impecável, garantindo a fixação da maquiagem, controlando a oleosidade, reduzindo absurdamente o tamanho dos poros, e igualmente, a produção de sebo. 

Sem mais delongas e em especial para quem "verte óleo", assim como eu, sugiro que faça este investimento, pois ele é realmente incrível!

Espero que gostem da dica e compartilhem!

Beijos, girls!

#bbblurpocompacto #larocheposaybr @larocheposaybr #mamaesvaidosas #edimariano

terça-feira, agosto 08, 2017


Seca: Saiba como amenizar os sintomas alérgicos causados pela temporada

Nos últimos dias, o clima frio tem dado uma trégua. A temperatura está subindo e já até fala-se em fim do inverno, mas o que está longe mesmo de acabar é a seca. No último dia 2, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), registrou a umidade relativa de 22% no Distrito Federal. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o índice ideal é de 60%. Com isso as doenças oportunistas e as alergias atacam. Nariz sangrando, garganta irritada, espirro e tosse são alguns dos sintomas que indicam a baixa umidade do ar.

Para o médico Jairo de Barros, do Instituto Brasiliense de Otorrinolaringologia (IBORL), na época da seca as pessoas ficam menos gripadas, mas em compensação as alergias se agravam, principalmente rinite e sinusite. "Durante a seca, as moléculas de ácaros ficam por mais tempo suspensas no ar, agravando as alergias, principalmente de idosos e crianças, pacientes estes que têm a saúde mais fragilizada", afirma o otorrinolaringologista.

Seca: Saiba como amenizar os sintomas alérgicos causados pela temporada

Algumas medidas podem ser adotadas a fim de evitar ou amenizar os sintomas. "A hidratação é fundamental. A oral, consumo de água, é imprescindível. Precisar uma quantidade é muito relativo, fala-se em, no mínimo, 2 litros por dia, mas para um trabalhador da construção civil, por exemplo, essa quantidade não é suficiente. Observar a urina é mais efetivo, se estiver com cor forte é preciso consumir mais líquido, se estiver clara, a quantidade é ideal. Exceto para casos em que a pessoa está tomando alguma medicação que pode alterar isto". Ressalta o dr. Jairo.

Além do consumo de líquido, algumas medidas comportamentais apresentam resultados efetivos para amenizar os sintomas. "O umidificador de ar, quando bem utilizado, ajuda muito a manter o equilíbrio do ar e dos sintomas alérgicos, mas é preciso mantê-lo num ambiente arejado, direcionado para uma superfície que não absolva água para que não crie ácaros e sempre muito bem higienizado". Alerta o dr. Barros que relacionou outras medidas preventivas para esta época. Confira!

- Lavar o nariz com soro ou utilizar soro em gel;

- Hidratar as vias nasais com pomada Bepantol, óleo Johnson's e até azeita de oliva (muito utilizado em bebês);

- Lavar as mãos utilizando água e sabão várias vezes ao dia a fim de evitar contaminação;

- Estender uma toalha úmida no quarto tem o mesmo efeito do umidificador de ar.


segunda-feira, agosto 07, 2017


Relógios da Violência

Hoje, dia 07/08, o Instituto Maria da Penha comemora os 11 anos de aprovação da Lei Maria da Penha, uma vitória para todas as brasileiras e uma validação dos direitos humanos.

Por isso, para pontuar os 11 anos da Lei e trazer informação para todo o Brasil, o 5º país mais violento para as mulheres, o Instituto criou o Relógios da Violência, que mostra quantas mulheres sofrem os 5 tipos de violência por segundo. Os dados são alarmantes e precisam ser pulverizados para que homens e mulheres se conscientizem do cenário violento que vivemos.


"A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER PASSOU A SER CONSIDERADA CRIME A PARTIR DA APROVAÇÃO DA LEI N. 11.340, EM 7 DE AGOSTO DE 2006, QUE FICOU CONHECIDA COMO LEI MARIA DA PENHA. ESSA LEI CRIA MECANISMOS PARA COIBIR E PREVENIR A AGRESSÃO AMBIENTADA NA CONVIVÊNCIA FAMILIAR E SE TORNOU UM INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL AO LONGO DOS SEUS 11 ANOS DE EXISTÊNCIA.
A INFORMAÇÃO É UMA GRANDE ALIADA DAS MULHERES QUANDO O ASSUNTO É VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR: É PRECISO CONHECER AS DIVERSAS FORMAS DE AGRESSÃO E PROMOVER O ACESSO À LEI MARIA DA PENHA EM LARGA ESCALA.
ALÉM DE AÇÕES EDUCATIVAS CAPAZES DE COMBATER OS ESTEREÓTIPOS DE GÊNERO E AS DESIGUALDADES NAS RELAÇÕES DE PODER ENTRE HOMENS E MULHERES, EXISTEM MUITOS INSTRUMENTOS PARA ASSISTIR E PROTEGER MULHERES EM SITUAÇÃO DE VIOLÊNCIA."

Bora compartilhar e ajudar nesta luta?

Beijos

Edi


sexta-feira, agosto 04, 2017


Promoção “se joga no seu sonho” de quem disse, berenice? sorteia 5 prêmios de 80 mil

Realizar aquela viagem tão sonhada, reformar a casa, ir ao show da banda do coração ou até investir em estudos. O sonho é seu e quem disse, berenice? acredita que os sonhos existem para serem vividos. Por isso, a marca especialista em maquiagem quer dar aquele empurrãozinho pra você se jogar nele!



Durante a ação, serão sorteados, no total, R$ 400 mil em prêmios pra cinco sortudos. Pra participar, basta comprar R$ 100 em qualquer produto incrível da marca no período de 04 de agosto a 10 de setembro, seja em quiosque, e-commerce ou lojas físicas de todo o Brasil*. Depois, a berê só precisa cadastrar seu cupom fiscal, no site pra resgatar seus bilhetes e concorrer ao prêmio de R$ 80 mil. 

Quem faz parte do clube das berês fidelidade** ganha dois cupons a cada R$ 100 em compras. 

Serão 5 prêmios de R$ 80 mil sorteados nos dias: 16 de agosto, 23 de agosto, 30 de agosto, 06 de setembro e 20 de setembro.

Os nomes das sortudas serão divulgados semanalmente no site da promoção e através do perfil de quem disse, berenice? no facebook. 



* não são válidas as compras feitas em farmácias, DFA e Dufry.

** cadastrados realizados até o dia 02.08.


terça-feira, agosto 01, 2017


Sorteio - Dia de Beleza - Torriton Taunay

Ei, Girls!

Que tal ganhar um dia de beleza no Torriton Taunay, onde receberá uma transformação no visual?

A poderosa visagista Isabel Cristina, e a expert das sobrancelhas e dos pincéis Simone Pertusatti, serão as responsáveis pela transformação, onde a sortuda contemplada, sairá do Torriton ainda mais diva e empoderada!
Sorteio - Dia de Beleza - Torriton Taunay

Para as madeixas, a transformação englobará tintura, corte, hidratação e escova, e logo após, sobrancelhas definidas e poderosas, e uma maquiagem de parar o trânsito!

Sensacional, né?

Para participar, basta se inscrever no INSTAGRAM, clicando AQUI!

Boa sorte!

Beijos

#isabelcristinahair #isabelcristina #torriton#sipertusattimakeup #sipertusatti#mamaesvaidosas #edimariano #sorteio#diadebeleza #curitiba #maquiagem #makeup#cabelo #hair #cwb #parana #salaodebeleza #diadebeleza #empoderamento #beleza



quarta-feira, julho 26, 2017


Dia Transformação no Torriton Taunay com Isabel Cristina e Simone Pertusatti

Na rotina corriqueira, e em busca de algo melhor no âmbito profissional, o qual refletirá no familiar e doméstico, nós mulheres temos o costume de abrir mão de muitas coisas, dentre elas, de se cuidar mais e se valorizar. Em consequência disso, também deixamos de gostar do que estamos vendo no espelho. E embora a vida seja corrida e nos cobre muito, precisamos dedicar um tempo para investir não somente na nossa imagem pessoal, bem como na nossa confiança, ou seja, na autoaceitação por aquilo que somos e podemos ser. Afinal, as mudanças para melhor são sempre bem-vindas, e não podemos nos acomodar com o que não está legal para nós mesmas, pois tal ato, refletirá não somente no nosso humor, bem como na imagem que iremos passar para a sociedade.

Portanto, hoje vim mostrar um lindo exemplo de que a mulher já nasce bonita, mas pode ficar ainda mais, bastando apenas estar nas mãos de profissionais capacitados e talentosos, para lhe proporcionar uma transformação no visual, e consequentemente na vida! 

A transformação abaixo, foi realizada no Torriton Taunay, onde a Visagista Isabel Cristina, simplesmente repaginou as madeixas da querida Bruna, a deixando simplesmente divina, enquanto a talentosa maquiadora e expert em sobrancelhas, Simone Pertusatti, divou no design e maquiagem, resultando em perfeição e beleza, muita beleza! 

Para terem ideia do trabalho das duas, fizemos fotos em todo o processo de transformação, mostrando como são cuidadosas, talentosas e especiais. O dia da Bruna ficou muito mais alegre e colorido, graças ao profissionalismo e dedicação da Isa e da Si, e igualmente de toda a equipe envolvida no Torriton Taunay.

Antes da transformação:


Com as madeixas precisando de coloração, corte e hidratação, Bruna recebeu todo o diagnóstico da Expert Isabel Cristina, bem como a melhor indicação para a sua harmonização facial, em termos de Visagismo. E é claro que ela topou, e foi muito feliz na escolha, muito mesmo!

O primeiro passo foi a aplicação do descolorante, para a correta e perfeita definição das mechas, e do resultado final da coloração dos cabelos. Ressaltando para o detalhe de que a Visagista Isabel Cristina tem formação em Paris, e é Embaixadora Oficial da marca Kérastase. Simplesmente é a Diva dos cabelos! 


Logo após, o cabelo recebeu o enxágue para a completa remoção do descolorante, e uma lavagem com produtos específicos para o tipo capilar da Bruna. Na sequencia, foi realizada a aplicação de um tonalizante especial, para que as mechas chegassem no tom desejado, resultando numa cor perfeita e saudável.


Já com cabelos limpos e parcialmente secos, chegou o momento das tesouras entrarem em ação, nas mãos talentosas e experientes da Visagista Isabel Cristina.


Em seguida, a transformação continua, através de uma escova perfeita e pela definição dos cachos.


E agora, o resultado final, surpreendente, diga-se de passagem. Eu fiquei boquiaberta com tanta perfeição e beleza! Que mudança poderosa!


O antes e depois é a melhor forma de se confirmar o resultado de uma transformação! Nele conseguimos visualizar tudo o que foi feito, desde as luzes, corte, escova e completa definição dos cachos. Simplesmente divino! Agora entendem o meu amor e admiração pela Visagista Isabel Cristina, né? Ela brilhou, assim como o faz com suas demais clientes!


Já com as madeixas prontas e poderosas, chegou a vez da transformação facial, onde a talentosa e querida Simone Pertusatti, fez o que sabe de melhor, alinhando e ressaltando os traços da Bruna, e a deixando impecavelmente linda e satisfeita. 


O primeiro passo é alinhar e definir as sobrancelhas, as deixando em simetria e em harmonia com os traços faciais. O trabalho da Simone Pertusatti é simplesmente incrível e impecável. 

Perfeccionista e extremamente calma, além de realizar o design e definição dos fios com a pinça, ela também arrasa na micropigmentação, devolvendo dignidade para quem sofre com falhas e sobrancelhas tortas. Eu sou fã declarada da Si, e fico impressionada com os resultados, mais ainda pelas sobrancelhas ficarem lindas e com aspecto natural, sem pesar a fisionomia, e por valorizar ainda mais a beleza da mulher! É realmente um trabalho artístico que demanda dom e muita destreza! 

Na Bruna, a técnica utilizada foi o design com pinça e posterior tintura, exatamente na cor dos fios naturais, conforme o resultado abaixo. A sobrancelha ficou em completa harmonia com os traços e totalmente simétrica. E como uma sobrancelha bem definida, valoriza a beleza da mulher! A diferença é gritante! 


Para finalizar a transformação, aquela make poderosa e na medida certa, mantendo a naturalidade, mas destacando o que a mulher tem de mais bonito. Ou seja, os seus traços, a cor dos olhos, o tamanho e formato dos lábios, e o sorriso. Isso é o que chamo de harmonia e perfeição!


E mais uma vez, o antes e depois, agora exibindo a Si em ação, e o quanto é talentosa e delicada! Eu amo a forma como trabalha, pois não gosto de maquiagem carregada, e ela sempre muito cuidadosa, gosta de destacar a real beleza feminina, nos expondo aos olhos, que além de tudo, tem sensibilidade e consegue nos valorizar conforme somos. Não nos mascarando, mas nos provando que é possível nos aceitarmos e nos amarmos ainda mais, bastando apenas, revelar através de cores e traços delicados, a nossa feminilidade. Incrível!

E agora, o resultado final da transformação, e uma Bruna ainda mais linda e confiante, surgindo para nos contagiar com a sua alegria. Além de radiante, ela ficou extremamente satisfeita e feliz! 

Dia Transformação no Torriton Taunay com Isabel Cristina e Simone Pertusatti

A transformação, mais uma vez, no antes e depois:


Porque toda mulher merece e deve ter o seu dia de transformação! E quem é que não gosta de ser incrivelmente cuidada e mimada assim? 

Dia Transformação no Torriton Taunay com Isabel Cristina e Simone Pertusatti

Por isso, hoje deixo a indicação das duas melhores profissionais de Curitiba, no melhor endereço de Beauty&Hair da cidade! A visagista Isabel Cristina para transformar e dar vida aos cabelos, e a Maquiadora e Micropigmentadora Simone Pertusatti, para arrasar na harmonização facial e destacar ainda mais a beleza feminina, no sofisticado e moderno Salão Torriton da Alameda Taunay!

Dia Transformação no Torriton Taunay com Isabel Cristina e Simone Pertusatti

Marcações: (41) 3091-8686

Funcionamento:

Segunda-feira: das 09:00 as 20:00
De terça-feira até sábado: das 09:00 as 21:00

Al. Pres. Taunay, 321 – Batel
Curitiba – PR - 80420-180

Dia Transformação no Torriton Taunay com Isabel Cristina e Simone Pertusatti

Ahhhh, e para fazer mais uma Vaidosa feliz, já já iremos sortear uma TRANSFORMAÇÃO INCRÍVEL prestigiando vocês! Para tal, basta ficarem ligadinhas nas nossas redes sociais: Mamães VaidosasIsabel Cristina e Simone Pertusatti.


Beijoooooos,



#sipertusatti #isabelhair #embaixadorakerastase #torriton #torritontaunay #simonepertusatti #isabelcristina #isabelcristinahair #transformacao #cabelos #mechas #hair #salaodeluxo #maquiagem #makeup #beleza #beaute #beauty #cwb #curitiba #salaodebeleza #pr #parana #mamaesvaidosas #edimariano #micropigmentacao #sobrancelha
 
Copyright 2013 Mamães Vaidosas por Edi Mariano