domingo, outubro 21, 2012


Fé falida


Olá!

Hoje o post vem como desabafo e muita revolta.

Há tempos atrás, fui numa missa aqui em Belo Horizonte, na comemoração do aniversário do pároco. Até aí tudo bem. Quando a iniciou a missa o padre fez os seus agradecimentos e chamou um político do bairro para o microfone. Opa! Esperei pra ver no que ia dar. Alguém aí tinha dúvida? Me senti desrespeitada e fiquei extremamente envergonhada pela atitude de ambos. O padre por saber que em ano eleitoral um político não seguraria a língua e o tal político por não respeitar o momento de fé de muitas pessoas, que procuram a igreja para "encontrar Deus".  
Depois disso não retornei mais a igreja. Passado muito tempo, hoje fui a missa, em outra paróquia. A missa começou e com ela todos os seus rituais. Chegando próximo a oferenda, o padre citou que na data aconteceriam dois ofertórios. O de rotina e um após a comunhão, para a arrecadação de dinheiro para uma causa social. Prosseguiu, dizendo que a oferta seria enviada para o Haiti e para a Síria. Neste exato momento a minha única vontade era tomar o microfone de suas mãos e perguntar ali, para ele e para os presentes: Somente os acontecimentos externos importam? Quer dizer que o dinheiro que eles pedem extraordinariamente não pode ser pro povo daqui? E o povo sofrido do Nordeste? E o povo do Norte? Não precisamos ir muito longe, já que aqui mesmo em MG existe miséria, seca e fome. Eu fiquei desolada, querendo sumir da igreja e do mundo. Eu vejo tanta gente procurar a igreja para encontrar Deus, onde na verdade só encontro mais um ponto comercial de exploração de fé e caridade. 
Eu não preciso ir na Igreja para encontrar Deus, porque ele habita dentro de mim. Eu não preciso me confessar para um estranho saber da minha vida, se quem paga as minhas contas, sou eu. 
Minha família sempre foi muito católica. Me levou na igreja ainda muito nova. Segui todos os rituais, para ser considerada uma cristã, aos olhos da igreja. Tenho certeza de que para os olhos de Deus, sou sua filha desde que ele me escolheu e me colocou aqui, me gerou.
Me pergunto e pergunto para vocês, que fé é essa, que caridade é essa? Que só pode "ajudar", quem está do outro lado da Fronteira? Brasileiro desmerece ajuda? Na Síria, as pessoas são melhores ou merecem mais do que no Nordeste? A Igreja só reconhece causas que são noticiadas nos jornais? A causa de Deus não é o homem? E aqui não está cheio deles? De seus filhos? Que fé é essa? Um padre que julga ter um conhecimento vindo de Deus e não conhece a sua verdadeira causa?
Deus está em nós e ele não pede nada pra Síria, pro Haiti, pro Egito. Ele nos mostra que podemos compartilhar, dividir, estender as mãos. E com tantas mãos próximas, e pedindo ajuda, vamos colocar uma viseira e enxergar somente quem está longe?
Acredito muito mais no dinheiro sendo entregue pra quem realmente precisa, seja em forma de donativos, remédios, roupas, do que entregue para terceiros para ser encaminhando e não correr o risco de ser desviado e não chegar onde "supostamente informam". Também penso que temos que fazer o que podemos, dentro do nosso orçamento, dentro do que possamos ajudar realmente e não ficar comprometidos com banco, com dívidas. Vejo muita igreja fazendo "lavagem cerebral" nos seus fiéis e fico enfurecida com essas pessoas e com as que sacrificam as suas vidas, caindo no golpe desses mercenários safados, que usam esse dinheiro para seu enriquecimento e suas luxurias. 


Como dizia Caetano,
Pense no Haiti, reze pelo Haiti
O Haiti é aqui

36 comentários:

  1. Boa noite!

    Façamos o que nos deixa mais felizes e não se culpe.
    Fazemos tantas coisas para agradar os outros.

    Beijos,

    Karen
    http://bonitaodiainteiro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Noite
      Obrigada pelo comentário Karen! Hoje fiquei realmente, muito revoltada.
      Beijos

      Excluir
  2. Boa Noite
    Obrigada pelo comentário Karen! Hoje fiquei realmente, muito revoltada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Q triste!Sempre fui a igreja e nunca vi algo parecido graças a Deus!Espero q não desista de encontrar um lugar para ouvir a palavra de Deus,só não julgue toda uma religião por conta de atitudes de uns e outros.Defeito em todo lugar tem,o que importa é a palavra verdadeira de Deus! Sou católica e sou muito feliz com a minha igreja/religião!

    poquimdemim.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda
      Infelizmente não é a primeira vez que acontece.
      Deixei de citar aqui, outras ocasiões, que presenciei e me deixaram muito tristes.
      Passei por uma experiência em casa também. Num dia que estava doente, estava saindo para o hospital e tocaram no meu interfone. Fui atender e vi que eram dois padres. Eles eram do Arautos do Evangelho. Mesmo com muitas dores e indisposta, os recebi prontamente e perdi a minha consulta. Rezei e fiquei muito feliz com a visita de ambos. Só não esperava que mesmo vendo a minha real situação, tivessem a ousadia de pedir dinheiro, insistirem no assunto e me deixarem ainda pior do que estava. É mole?
      Beijos

      Excluir
  4. Olá Edi, muito pertinente seu comentário. Acabo de passar neste fim de semana por uma situação muito parecida. Em uma igreja do meu bairro, frequentada por pessoas muito simples e humildes por sinal, o padre rezou uma missa inteira em italiano! Ok que ele sabe falar fluentemente o idioma, mas de todos os presentes ali, garanto que ninguém entendeu nada. Estava todo mundo com cara de "ué" olhando pra ele, que falava como quem queria se aparecer. Além disso, antes da missa começar, ele ficou parado esperando outras pessoas o cobrirem com vários mantos, como se ele fosse um ser melhor do que todos ali.
    Nem Jesus falava complicado ou usava mantos!!! Pelo contrário, ele usava das parábolas para aproximar as pessoas da sua Palavra e não exibia sua sabedoria a ninguém.
    Também cresci indo na igreja católica, mas só porque era obrigada a ir. Hoje não vou mais e me encontrei no Espiritismo, uma doutrina que me leva a um autoconhecimento incrível e cheia de humildade e respostas.
    Como ouvi uma vez, Jesus não fundou nenhuma religião. Ela foi feita pelos homens. E por isso que segue do jeito que está, principalmente a católica que perde mais e mais fiéis a cada dia.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dani
      Boa Noite!
      Menina, morri no seu comentário!
      Muito obrigada por compartilhar conosco!
      Pois nós duas estamos no mesmo estágio de conhecimento. Eu sempre li livros espíritas e acredito muito mais nas palavras que nos refletem a realidade espiritual do que nas palavras ditas por muitos padres, que infelizmente não tem o mesmo comprometimento que nós.
      Para esse padre, eu diria: Retorne a sua terra. Pois quem é de Roma, permanece em Roma.
      Beijos

      Excluir
    2. hehehe como diz Leão Lobo: Dignidade já!
      Concordo com tudo que você disse. Temos que seguir o que fala com nosso coração. Jesus e Deus estão muito acima de tudo isso.
      Bjão e boa sorte!

      Excluir
    3. Olá Dani
      Só Deus pra salvar
      Beijossss

      Excluir
  5. Nossa Edi, concordo plenamente com vc, sou evangelica, mas não mudo nenhuma palavra e nenhuma virgula do que vc escreveu, pois é bem assim, em muitas igrejas e religiões, estou tbm muito triste com esse mundo com os humanos, pq Deus é o msm pra todos e está em todos os lugares, acredito em Deus e creio nele, mas estou um pouco afastada da igreja por um desses motivos, mas nunca deixei de acreditar nele.
    bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daiane!
      Boa Noite!
      Tudo bem?
      Menina, religião sempre foi motivo de revolta, de guerra, de briga. Se Deus é único, não vejo necessidade de igreja/divisão/disputa. Isso sim, é pecado. Disputar fé, ouro e fiéis, isso reflete a ganância e não a Deus.
      Beijossss

      Excluir
  6. Oi Edi, é de se revoltar mesmo o que acontece por ai.
    Assim com a Daiane, eu tbm sou evangélicae fico triste em ver com se encontra a situação de algumas igrejas do nosso país.
    Mas que a gente tenha sabedoria e fé o suficiente para continuarmos com a nossa conduta que é vista por Deus e com certeza a mais correta.
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dani
      Boa Noite!
      Igreja virou ou sempre foi (não sei) instituição comercial e agora, palanque político de pessoas sem bom senso e caráter. O dinheiro que gastam ali, poderia pagar muitas latas de leite para crianças que não tem alimento para viver, para se desenvolver, pra pisar numa igreja e muito menos ter um momento de lazer. Eu fico impressionada com a quantidade de dinheiro que eles recolhem dizendo ser pra caridade. Se o governo tem que declarar e justificar o que faz com o dinheiro do povo, se o povo tem que justificar o que faz com o seu dinheiro suado, trabalhado e honrado, nada mais justo seria se a igreja comprovasse o que faz com tanta doação e oferenda e dízimo e seja lá o que for. Acho incrível não poder faltar ouro em muitas capelas e imagens de santos por aí, mas poder faltar dinheiro no bolso do coitado que vai na igreja e tem que deixar o seu ganha pão ali. Ai gente, me desculpa. Estou desabafando e expondo o meu ponto de vista. Estou cansada dessa mentira e falsa fé, que vejo por aí. Me perdoem! Beijos

      Excluir
  7. Infelizmente as coisas estao assim, vc sai a procura de paz e acaba se revoltando pela atitude das pessoas.
    Nao entendo porque nao ajudam o povo daqui (Brasil), tantas pessoas necessitadas, criancas no farol da esquina passando fome, mendingando uma moedinha p/ poder comer no final do dia, e de repente, querem arrecadar dinheiro para ajudar outro "pais"...
    Sempre me perguntei, sera que o dinheiro arrecadado sera enviado mesmo? Hum, tenho minhas duvidas....mas nao posso julgar e respeito quem faz a doacao, mas acho que todos nos deveriamos pensar mais em quem esta proximo, as vezes um vizinho esta passando necessidade, ou tem uma crianca na padaria da esquina pedindo para lhe pagar um pao com manteiga, isso sim, deveriamos pensar com o coracao e ajudar sempre que possivel!!!!
    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Noite
      Dani
      Muito pertinente o seu comentário. As suas dúvidas, são as minhas. Acredito que quem quer fazer caridade, faz diretamente para quem precisa e não precisa de intermediários, muitas vezes, duvidosos.
      Eu cansei de entregar doações para serem entregues por outras pessoas. Quando procurava a verdade, sempre me magoava. Então, prefiro fazer com as minhas mãos e ter a consciência tranquila. De que fiz a minha parte, que ajudei realmente um necessitado.
      BEijossss

      Excluir
  8. Oi Edir.
    Sou católica, fui educada em colégio de freiras.Mas hoje em dia estou afastada da igreja, prefiro fazer minhas orações em casa.
    Não concordo com o padre da paróquia,ele pedi donatívos ,faz festas para construir uma igreja maior. No meu entender a igreja que já existe tá de bom tamanho para a comunidade que não é grande. Em vez de ficar fazendo obra desnecessária que faça caridade com os necessitados, os carentes.
    Também fico revoltada como você.
    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vera
      Boa Noite
      Concordo contigo. Não precisamos de um templo de ouro, precisamos da VERDADE!
      Eu não concordo com igrejas lotadas de ouro, de futilidade, enquanto cobram dos fiéis, caridade. Uma via contramão, concorda?
      BEijossss

      Excluir
    2. Bom diaaaaaaaaaaaa!!
      Hoje estou bem melhor, já fui na fisio, fiz compras no mercado, passei aqui para descansar um pouco..rs.
      Menina, não me conformo com essas coisas! Aqui não é um bairro muito grande ,mas tem 8 igrejas, elas nunca lotam, não entendo o padre megalomâniaco querendo construir outra, pior é que os fiéis financiam, eu me recuso.Depois coloca o nome dos doares nos bancos, me diz pra que ?? Prefiro dar meu donativo para creches carentes.

      Excluir
  9. Que estes acontecimentos que tb acho muito triste não venham a abalar sua fé em Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quelita,
      A Fé não nasce na igreja, na missa, a Fé, está no nosso coração e não precisa de um endereço para manifestar-se.
      Beijosss

      Excluir
  10. É... Infelizmente, as religiões, os rituais, enfim... quem movimenta, são "homens", pessoas cheias de defeitos e qualidades, assim, como qqr ser humano.
    E muitos desses defeitos, erros cometidos, acabam afastando as pessoas.
    Por isso, eu aconselho a vc, que tente fechar os seus olhos e ouvidos, para esses fatos lastimáveis, e procure Deus dentro de vc.
    Se te faz bem ir à missa, vá! Mas procure sair de lá, somente com os ensinamentos de Deus, e procure anular essas cenas tristes que acontecem em todos os lugares e em todas as religiões. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nat
      Boa Noite.
      A minha personalidade, caráter e fé, não me permitem fechar os olhos para a verdade. Eu não concordo e não participo de atos, que possam estar prejudicando ou enganando as pessoas. É a corrupção, usurpando o sistema. Não faz parte de mim. Eu acredito na verdade, na justiça, e vou continuar a minha luta, com o coração sempre em Deus. Ele me guia pra verdade e eu sou seu instrumento, para denunciar, para reconhecer a verdade e para me redimir, quando errada.
      Nesse caso, não vou tolerar, outro ser humano, como disse você mesmo, enganando a terceiros e usando a imagem de Deus.
      Beijos

      Excluir
  11. Uauuuuuuuu.. essa é a Edi que eu sou fã.
    A que diz o que pensa, que se revolta com as msms coisas que eu,
    E que tem um coração enorme, que se preocupa,
    E que tem mto orgulho disso ! !

    E eu tô contigo Edi...
    Depois de tantas coisas que vi nas igrejas eu fiquei meio desgostosa...
    Por isso, Deus ta aqui comigo, e estará aonde eu for
    Assim como a você !

    Acho que isso é mto mais importante do que
    Tantas coisas que a gente vê por ai acontecendo nas igrejas..

    Enfim ...

    Que as coisa um dia, melhorem e que OS NOSSOS
    Sejam 'beneficiados' comoo merecem ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Noite Fany
      Olha, eu acredito tanto em Deus, que tenho certeza de que ele nos guia e nos faz enxergar esses atos, para que possamos alertar quem não enxerga ou não tem acesso a verdade.
      Beijos

      Excluir
    2. Tô contigo viu Edi.. e como é bom, ter pessoas como vc
      que estão se importando e querendo alertar ;)

      bjs bjs

      Excluir
    3. Obrigada meu amor!
      Já conhece a minha sinceridade. Sou transparente!
      Beijos

      Excluir
    4. siiim piriilim.. e ela me encanta a cada dia ^^

      Excluir
  12. Desculpe Edi, mas tenho que discordar do que vc disse. Nesse caso em que vc se revoltou com Padre pro ele estar fazendo doação para o Haiti, a ordem muitas vezes não vem dele e ele só está cumprindo ordens. Se vc ficou insatisfeita para onde a doação vai/foi é o caso de vc mesma ir falar com o Padre e até mesmo sugerir que ele faça doações para outros locais e participar dos projetos da Igreja. Essa semana na Paróquia q frequento tbm teve doação para as Campanhas Missionárias (que geralmente são para locais com extrema necessidade, como o Haiti).
    E preciso dizer tbm que fiquei indignada com o que vc disse sobre a confissão. A confissão não é para o Padre ficar sabendo da nossa vida (até pq ele tem a dele pra cuidar né?!) e na Bíblia está escrito que devemos nos confessar para nos redimir dos nossos pecados. Acho que disse o que tinha pra dizer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana
      Boa Noite
      Eu praticamente "vivi" dias e dias da minha vida, dentro de uma igreja na infância. Sei muito mais do que estou dizendo, por ter vivenciado. Na família, tive pessoas que se dedicaram a vida toda e perderam (morreram) pela igreja, para depois descobrirmos que foi em vão. Se você sentiu-se ferida e indignada, sinta-se ainda mais por saber que o que digo é verdade. Se a Bíblia cita a confissão na igreja e isso te faz bem, faça, eu não. Prefiro conversar diretamente com quem pode me ajudar, com o próprio Deus, não uso intermediários pecadores, como nós.

      Excluir
  13. Alguns anos atrás questionei a Igreja Católica. Procurei uma ajuda pessoal para me orientar, pesquisei o Catecismo da Igreja e me apaixonei de vez. Concluí que a Igreja é Santa, mas o povo (leigos e consagrados) é pecador. Fazer o quê? Rezar e tentar dar testemunho daquilo que acredito. A doutrina é rica, cheia de Deus. Por estas e outras razões, passei a frequentar mais e mais, procurando participar na comunidade que, ao meu pobre entendimento, me senti melhor. Procuro seguir sem olhar para este tipo de coisa, ou não encontrarei paz em lugar algum.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adriana
      Fico muito feliz que tenha encontrado o seu caminho, que se sente bem participando e acredita na sua comunidade.
      Deus te abençoe para que cumpra o seu papel aqui e tenha muita paz, saúde, amor, para que possa ajudar outras pessoas e sentir-se completa.
      Deus está presente, onde queremos enxerga-lo. Se você acredita que ele tem o Poder de entrar na sua casa e renovar o ambiente, tirando tudo de ruim e trazendo o seu amor verdadeiro, com certeza ele o fará.
      Beijos

      Excluir
  14. Donativos para o Haiti pode até ser verdade, mas para a Síria duvido! Se algum cristão conseguir fazer algo assim num país islâmico em plena guerra ideológica, aí sim estaremos diante de um milagre!
    (Me revoltei também)
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kel
      De cortar o coração da gente. Sabendo do sofrimento das pessoas, usam como isca pra ganhar dinheiro para a vaidade da igreja. Pecado não é deixar de confessar, pecado é enganar as pessoas e mentir, usando o nome de Deus!
      Minha revolta é permanente.
      Beijos

      Excluir
  15. Concordo com vc Edi, há um tempinho venho pensando mais sobre as atitudes destas Igrejas que então dizem servir a DEUS, minhas perguntas são muitas para poucas respostas por parte dos erros deles

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu penso o mesmo. Fico de saco cheio e chateada com esse povo que prega amor a Deus, mas não o faz, não o cumpre. Pedir dinheiro eles sabem, fico curiosa pra ver o fim disso. Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar! Em breve, retornaremos! :-)

 
Copyright 2013 Mamães Vaidosas por Edi Mariano