sexta-feira, janeiro 25, 2013


Dúvidas relacionadas a alimentação dos nossos filhotes

Alimentos considerados alergênicos devem ser excluidos da dieta da criança durante o primeiro ano de vida? 
Não há nenhum alimento que deve ser excluído da dieta da criança para se prevenir as alergias. Mesmo alimentos como ovo, peixe, castanhas e amendoim que são considerados como alimentos que podem levar a alergia só devem se excluídos se a criança for avaliada e comprovar-se que ela é alérgica. O ovo, por exemplo, pode ser introduzido na alimentação da criança a partir do sexto mês de vida (inteiro) e bem cozido. Não oferecer ovo mal cozido porque há risco de infecção por Salmonela, uma bactéria que pode estar escondida dentro do ovo e que só morre quando o ovo é bem cozido.


O que é intolerância a lactose? 
A intolerância à lactose é uma dificuldade da criança em digerir o açúcar do leite (lactose) pelo não funcionamento adequado de uma enzima que fica no intestino e é responsável pela quebra da lactose, a enzima se chama lactase. A intolerância à lactose pode acontecer em bebês pequenos após um quadro de diarréia mais intensa, por exemplo. Entretanto costuma acontecer em crianças a partir de 2 anos de idade, quando ocorre uma redução natural na produção da enzima lactase pelo intestino da criança. Isso depende de fatores genéticos e tipo de alimentação. O que acontece é que após a ingestão de leite a criança pode ter inchaço na barriga, dor, diarréia e até vomitar. Os sintomas dependem da quantidade de leite ingerido. Se a criança comer derivados de leite como iogurte, queijos, preparações com leite pode não ter sintomas pois a quantidade de lactose nesses alimentos é bem menor. Algumas crianças, que quando pequenas tomavam leite e derivados normalmente, podem ter sinais de intolerância à lactose quando ficam maiores.  


Meu filho não come nada posso dar um estimulante de apetite? 
Os estimulantes de apetite não são indicados para crianças saudáveis. Faz parte do desenvolvimento da criança comer mais alguns dias e menos em outros. Tem fases que a criança só quer um tipo de alimento, tenta pular refeições, quer brincar no lugar de comer. Isso pode deixar a família toda preocupada, mas tenha calma – se a criança está sendo acompanhada, se o seu crescimento e desenvolvimento está adequado – a melhor forma de melhorar o comportamento durante a alimentação é uma mistura de paciência, carinho, orientação e regras. Hábitos ruins devem ser mudados desde cedo, mesmo que no início a criança fique brava ela deve se acostumar a ter horário e local para comer, acostumar-se a comer alimentos saudáveis e não usar a alimentação como forma de chamar a atenção dos pais ou conseguir ‘coisas’. Os estimulantes de apetite que eram usados no passado tinham uma série de substâncias que podiam fazer mal à saúde da criança: álcool, anti-histamínicos (dão sono), entre outros. Devido a esses problemas hoje em dia a maioria dos medicamentos que abriam o apetite estão proibidos ou tiveram a sua composição modificada.  


Qual a diferença entre alergia ao leite de vaca e intolerância à lactose? 
É comum se confundir intolerância à lactose com alergia à proteína do leite de vaca. Na intolerância os sintomas aparecem mais tarde (ex: em lactentes após uma infecção intestinal ou crianças maiores que antes tomavam leite normalmente e não tinham nada), os sintomas são muito mais gastrintestinais e é possível que a criança não tenha sintomas se ingerir uma pequena quantidade de leite e/ou derivados. Já a alergia ao leite de vaca é uma reação imunológica (do sistema de defesa do organismo) contra a proteína do leite de vaca. Geralmente acontece antes do primeiro ano de vida e tende a sarar por volta dos 3 a 5 anos de idade. Nesse caso a criança não pode receber nada de leite e nem de derivados porque mesmo pequenas quantidades podem causar sintomas. Podem haver manifestações diversas que aparecem logo após a ingestão de leite ou após dias ou semanas: de pele (coceira, vermelhão), gastrintestinais (diarréia, vômitos), dificuldade de ganho de peso e prejuízo do crescimento, diarréia com ou sem sangue, dificuldade para engolir, entre outros. O ideal é levar a criança para uma consulta para que possa ser examinada e se faça o diagnóstico correto.
Fonte Dr Marcos Vasconcellos

Espero que ajude!
Comentem!
Beijos

33 comentários:

  1. Meu afilhado teve alergia a proteina do leite. Ele tinha 06 meses quando tentamos introduzir o Nan e ele simplesmente ficou todo inchado. Eu e minhã irmã quase morremos de susto, foi numa véspera de natal. Então começaram os exames, que identificaram que a alergia dele era muito alta. Mas como a família toda cuidou e a restrição de proteína do leite foi total (ele não consumia produtos nem com traço de proteina) o resultado foi que em 2,5 anos (com monitoramento através de exames) a alergia acabou. Agora ele está com 3,5 anos e já está liberdado para comer de tudo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu Deus! Que susto. Graças a Deus, conseguiram normalizar e descobriram a causa. Eles não merecem esse sofrimento. Fico aliviada que acabou! Beijos

      Excluir
    2. Deus abençoe esse anjo! Beijos

      Excluir
  2. Amei esse post Edi, as dicas são ótimaaaaaasss!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viu só? Aproveitaaaa kkkkk
      Beijosss

      Excluir
    2. Pode ter certeza que vou tirar aproveito de cada frase!!!
      Bjs

      Excluir
    3. Que ótimo! Vai ser parto normal ou cesárea?
      Beijos

      Excluir
    4. Então Edi, aqui é decidido na hora , mais provavelmente vai ser cesárea , a bebê está sentada e não vira de jeito nenhum...!!

      Excluir
    5. Vai ser super tranquilo. Cesarea é rápida e é menos sofrimento para ambas :D
      Beijos

      Excluir
  3. Que post delícia de ler! Bom para mamães de primeira viagem como a Adriana e para aquelas leitoras que tem filho nesta faixa etária de risco e não sabiam!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Berta. Fico feliz em poder ajudar...
      Beijos

      Excluir
  4. Graças a deus meus filhotes nunk passaram poR isto desejo muita saúde as crianças desta novA geracaoo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu desejo a todos, muita saúde e muita benção para os pais criarem os filhos com sabedoria, paciência e amor!
      Beijossss

      Excluir
  5. minha filha teve intolerância aos 2 anos foi um deus nos acuda ela passava mal até dormindo. hj ela não toma leite ,subistiuimos por suco de soja enriquecido com cálcio mas fico na dúvida se é o suficiente. ógtimas dicas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elaine, a troca foi feita pelo pediatra? Se ela tem acompanhamento, fico mais tranquila. Se não tiver, você poderia procurar um pediatra e esclarecer tudo com segurança. Certo?
      Beijossss

      Excluir
    2. ela diz que precisa de leite mas não adianta não para nada no estômago,volta logo,ela passa mal dormindo olha o perigo. já mudei de pedi e acho que vou procurar outra isso me deixa preocupada,essa fase é essencial bjs

      Excluir
    3. Menina, pelo amor de Deus, procure um médico que resolva essa situação. Se está vomitando e dormindo, além de ter algo errado, ela corre riscos.
      Pelo amor de Deus!
      Beijos

      Excluir
  6. Mais dicas que serão anotadas né, já sabe!
    Super importante saber oque dar para os filhotes, o que faz mal...

    bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba! Que bom que ajudei, Dani :D
      Beijos

      Excluir
    2. Vou recomendar para a minha vizinha, que vive dando coisa errada pro filhinho dela.
      Vc precisa ver, lembrei logo daqui quando eu soube.

      Excluir
    3. Ai meus Deus. Converse mesmo, Dani.
      Depois me conta? Beijos

      Excluir
  7. Esse alérgia, graças a Deus, meus filhos não tem, sempre foram bezerros,mas nos tres temos uma dermatite de matar.
    Bjoss.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Affff..... Dermatite é triste tb! Alergia a algo em específico?
      Beijos

      Excluir
  8. Adorei amiga esse seu post com as dicas, muito interessante!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Jana. Fico super feliz :D
      Beijos

      Excluir
    2. Gosto muito de tudo que vc posta amiga!!!
      Bjs

      Excluir
    3. Fico muito feliz e honrada, Jana! Muito obrigada :D
      Beijos

      Excluir
  9. E a cada dia de passa eu aprendo mais com essa super mãe !!

    Dicas que todo mundo deveria ler e acima de tudo: assimilar ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada minha linda :D
      Beijos

      Excluir
    2. de nadaaaaaaaaaaaa :) rs

      Excluir
  10. Valeu pelo post Edi,mto informativo,já fico atenta pra quando tiver o meu baby.Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Alyne! Fico muito feliz em ajudar :D
      Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar! Em breve, retornaremos! :-)

Siga no Google +

 
Copyright 2013 Mamães Vaidosas por Edi Mariano