sexta-feira, janeiro 04, 2013


Escarlatina

Acredito que muitas mães não tenham conhecimento dessa doença que assusta e deve ser tratada assim que for diagnosticada.

A escarlatina é causada por uma bactéria, o streptococo beta-hemolítico do grupo A. O estreptococo, assim como todas as outras bactérias que acometem a garganta, é transmitido por contato direto: saliva, tosse, espirros. É mais frequente ocorrer em crianças e bebês. Algumas crianças a tem mas não desenvolvem os sintomas. Em outros casos ela leva até 10 dias para aparecer.

Sintomas:  febre alta (38° a 40°C ), dor de garganta, vomito, mal estar, eritema grosseiro na pele, mais em região do peito, barriga, braço, coxa. Nota-se palidez peri-oral e as dobras do braço podem ficar mais pigmentadas. Uma característica da escarlatina é a “língua em framboesa” – a língua da criança fica com as papilas mais evidentes e torna-se muito vermelha ou branca. No decorrer da doença, as mãos e pés podem descamar.

Escarlatina

Cuidado: A escarlatina pode ser confundida com mononucleose, com outras infecções de garganta, doença de Kawasaki e, eventualmente, doenças virais infantis (como a rubéola, sarampo, roséola).

Escarlatina

Como diagnosticar: Exame clínico que verifica a presença de estreptococo em secreção da garganta.

Tratamento: Antibióticos. 

Durante o tratamento a criança deve ser afastada de suas atividades para não transmitir para outras e poder recuperar-se totalmente.

Elas sofrem muito devido a febre alta, então faz-se necessário o uso de antitérmicos e analgésicos devidamente prescritos pelo pediatra que acompanha o tratamento.

A mãe não precisa preocupar-se com a sua contaminação. Deve preocupar-se com a recuperação do seu filho e pensar que o nosso organismo tem um histórico de doenças já tratadas, então temos imunidade suficiente para se defender. É raro acontecer da mãe ter escarlatina.

Espero que ajude as mamães e leitoras de plantão!

Beijos

30 comentários:

  1. Nossa que horror, essa eu não conhecia.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, nem sabia que existia essa doença.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra você ver! Cada coisa que desconhecemos, dá medo. Não podemos é encucar! Beijão Dani

      Excluir
    2. Cada coisa mesmo, mas temos que usar as informações ao nosso favor né?
      Bjãoo

      Excluir
  3. Muito interessante, nao sabia dessa doenca...
    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que se inteirou Daniii
      Beijão

      Excluir
    2. Edi alem de nos dar dicas sobre looks e makes, nos informa sobre a saude das criancas!
      Por isso adoro seu blog!!!!
      <3

      Excluir
    3. <3 <3 <3
      bjos!!!!!!!!!

      Excluir
  4. Ai que medooooo Edi!! É cada uma que pode aparecer nos nossos pequenos , haja antibiótico pra tudo isso!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fale! O antibiótico em si, já faz um estrago danado! O ideal é evitar tudo :D
      Beijos Dri

      Excluir
  5. Eu não conhecia, mas é bom saber ,para quando vierem os netos eu estar previnida.
    bjosssss.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, Verinha! Muito válido :D
      Beijão

      Excluir
  6. Nossa Edi, assusta mesmoo! São muitas as reações na pele/língua.

    ResponderExcluir
  7. Parece rubéola mesmo, mas bem mais forte.
    Meu Deus,coitadinhos.
    Concordo com voce Edi, as mães não devem se preocupar com ninguem mais do que o próprio filho.

    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo Eli. Se meu filho adoece, eu piro, choro, adoeço junto. Beijossss

      Excluir
  8. Eu sabia já desse doença, mais nao sabia completamente do que se tratava, é muito importante aprender sobre isso assim tomamos mais cuidados com as crianças.
    Um beijao para vc Edi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, Thati. Prevenção é tudo! Beijosss

      Excluir
  9. Edii nunca ouvi falarr dessa doença é bom pra ficarmos atentas aos pequenos...
    Beijus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabrina, cada coisa que aparece, né? De matar qualquer mãe de medo e nervoso : (
      Beijos

      Excluir
  10. pra mim que já tinha ouvido falar nesta doença triste porém, não conheço alguém que já teve ela!!!!!! que perigosa não é?!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assusta qualquer um, não é? Vamos afasta-la !!! Beijos

      Excluir
  11. Nunca tinha ouvido falar dessa doença, muito bom saber da existência dela!
    Adoro seus posts amiga!
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Nossa me da uma angustia ver isso nunca quero que meu filho contraia uma doença dessas e outra que nem sabia dessa doença obrigada pela informação <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, querida!
      Dudu teve recentemente, mas graças a Deus ficou ótimo!
      Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar! Em breve, retornaremos! :-)

Siga no Google +

 
Copyright 2013 Mamães Vaidosas por Edi Mariano