quinta-feira, abril 17, 2014


Páscoa chegando: 7 boas notícias para os chocólatras e para quem está de dieta

Páscoa chegando: 7 boas notícias para os chocólatras e para quem está de dieta

A Páscoa está se aproximando e, nesta época do ano, resistir ao chocolate é quase impossível. A boa notícia é que resistir não significa cortar totalmente essa delícia do cardápio durante o feriado, pois, como tudo na reeducação alimentar e em uma dieta saudável, os prejuízos para a balança ocorrem apenas quando se exagera na quantidade e na frequência. As mordidas e beliscadas no chocolate estão liberadas, desde que com moderação por razões simples: é rico em gorduras e açúcar, nutrientes que elevam o seu valor calórico.

Por outro lado, o chocolate, além de delicioso, é cheio de substâncias benéficas ao organismo. Roberta Stella, nutricionista-chefe do Dieta e Saúde - programa online de emagrecimento que propõe a eliminação de peso, com saúde, por meio da dieta dos pontos - selecionou as características desse doce pecado, para você aproveitar, sem peso na consciência ao se deliciar nesta Páscoa:

1. O chocolate apresenta compostos antioxidantes chamados de flavonóides que impedem que o colesterol ruim se oxide e se deposite nos vasos sanguíneos, estando, portanto, relacionado com a prevenção de doenças do coração;

2. A cafeína e a teobromina são compostos vasodilatadores que estão presentes, principalmente, nos chocolates escuros, sendo mais um motivo para que os chocolates ajam em benefício da saúde do coração;

3. O chocolate com maior quantidade de cacau – chocolate amargo com teor superior a 60% de cacau – está relacionado à saúde do coração, já que apresenta as três substâncias (flavonóides, cafeína e teobromina) que ajudam a reduzir o colesterol e são vasodilatadores ajudando na circulação sanguínea;

4. Minerais importantes para o organismo também são presentes nos chocolates, entre eles: ferro, manganês, potássio e magnésio;

5. Os chocolates, principalmente os brancos e ao leite, contém maior quantidade de gorduras e calorias, além de ter menor quantidade de antioxidantes. A melhor opção é o chocolate amargo;

6. O consumo dos chocolates amargos deve ser de 3 a 4 vezes por semana e em pequena quantidade, ou seja, no máximo, 30 gramas ou uma barrinha pequena. E, vale lembrar que o chocolate ao leite não apresenta o mesmo benefício já que é rico em açúcar e gorduras.

7. A diferença entre os diversos tipos de chocolates está na composição que eles apresentam. O chocolate amargo contém menor quantidade de açúcar em relação ao meio amargo. Já, o chocolate ao leite, além de conter açúcar, também possui leite. O chocolate branco é produzido a partir da manteiga de cacau e, por isso, apresenta maior quantidade de gordura e, consequentemente, de calorias.

Páscoa chegando: 7 boas notícias para os chocólatras e para quem está de dieta

Tipos de chocolates

Não é por acaso que cada chocolate recebe uma denominação – ao leite, branco, meio amargo, cobertura hidrogenada e diet. Mas afinal, quais as diferenças entre eles?

A variedade de ingredientes dos chocolates garante a textura e o sabor característico de cada um. “Como os valores calóricos dos chocolates são semelhantes, cada consumidor pode optar pelo que tiver melhor aceitação de sabor ou preferência. Mas a principal dica é consumi-lo com moderação – cuidado na quantidade e também na frequência”, alerta Roberta Stella, nutricionista-chefe do Dieta e Saúde.

· Chocolate ao leite: massa de cacau, açúcar e leite em pó integral. Quantidade de cacau: 36 a 46%.

· Chocolate meio amargo: massa de cacau, açúcar e manteiga de cacau. Como o chocolate amargo, apresenta coloração escura por não levar leite, mas contém açúcar, o que suaviza o sabor. Quantidade de cacau: 52 a 62%.

· Chocolate amargo: chocolate muito pouco refinado, composto apenas por massa de cacau e manteiga de cacau. Caracteriza-se pela cor escura e paladar amargo. Quantidade de cacau: 63 a 72%.

· Chocolate branco: manteiga de cacau, açúcar e leite em pó integral. É o mais delicado – é branco porque não tem a massa de cacau.

· Chocolate diet: não contém açúcar na composição. Assim, o edulcorante (adoçante) é acrescentado para substitui-lo, mas muitas pessoas reclamam que este ingrediente deixa um sabor residual desagradável. Porém, no lugar do açúcar, é acrescentada mais gordura do que o normal, o que é um inconveniente para quem está ligado em eliminar a gordura da alimentação.

Páscoa chegando: 7 boas notícias para os chocólatras e para quem está de dieta

Espero que ajude!

Beijosssss


5 comentários:

  1. Amoooooo chocolate!!!!!!
    Pior que gosto mais do ai leite e o branco!!!!!
    Ainda sinto o gosto chocolate branco Talento....kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Dani
      Aí costumam comemorar a Páscoa?
      Eu amo chocolate branco também. rsrsrs
      Nunca provei o talento branco. Acredita?
      Beijosssss

      Excluir
  2. Sou chocolatra mesmo!
    Até em pó como... kkkkkkkkkkkk.

    ResponderExcluir
  3. Sou chocolatra,tenho que comer um todo dia,se não fico de mau humor.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! Em breve, retornaremos! :-)

Siga no Google +

 
Copyright 2013 Mamães Vaidosas por Edi Mariano